Roteiro de Viagem • Porto de Galinhas – PE

destaque-31

Tem horas na vida em que precisamos relaxar e nada funciona melhor do que um boa viagem para a praia. Pé na areia, água do mar, sol e brisa. Precisamos desconectar do trabalho e das demais preocupações do dia-a-dia.

Nesse primeiro semestre, as férias foram para Porto de Galinhas-PE. Descrevi, então, todo o meu roteiro da viagem e algumas dicas importantíssimas. Se você já escolheu o seu destino e quer programar a sua viagem, está no lugar certo!

DICAS DE VIAGEM PARA PORTO DE GALINHAS

viagem-portodegalinhas-1

foto: Praia de Porto de Galinhas (acervo pessoal)

#1 . Pesquise o período de maior ocorrência de chuvas no local
Essa dica vale para qualquer lugar com praia que deseja visitar. No período entre os meses de maio e julho é quando ocorre os maiores índices de chuva! É importante evitar visitar o local nessa época, insisti em ir no final de maio e peguei bastante chuva. #ficaadica

#2 . Pesquise a tábua das marés nos dias da viagem
O que é tábua das marés? Essa foi a primeira pergunta que fiz quando pesquisei sobre o que faria em Porto de Galinhas. Calma, vou explicar!

As marés são os periódicos movimentos das águas do mar que estão diretamente relacionados com a atração gravitacional do Sol e da Lua em relação à Terra. Através da tábua de marés conseguimos saber a amplitude da maré prevista, se estará baixa ou alta. Para que possamos ver as piscinas naturais é necessário que a maré esteja baixa, isso acontece quando a Lua está nova ou cheia. Os melhores valores são de 0.00 a 0.40m.

É importante entender sobre a tábua das marés e pesquisar os melhores horários para poder  fechar os passeios. Muitos guias não se importam em avisar se você irá conseguir ver as piscinas naturais, apenas querem vender os passeios! #fiqueesperto

#3 . Onde ficar
Isso dependerá do seu estilo e bolso
. Se você tem uma graninha sobrando, vale a pena investir em um hotel com uma estrutura melhor. Fiquei no Village Porto de Galinhas e amei! A estrutura é muito boa, comida gostosa e atendimento nota 10! É um local mais família, com programações à noite e se desejar, pode optar por um pacote de buffet incluso. Como ficávamos fora quase todos os dias para fazer os passeios, achamos melhor fechar só o café da manhã e pedir a la carte durante a noite!

viagem-portodegalinhas-0

foto: Village Porto de Galinhas (acervo pessoal)

Para ir até a Vila de Porto é só ir de Táxi, que fica em torno de R$ 25,00 a corrida. Descobrimos nos últimos dias que lá tinha Uber também, é uma opção mais em conta!

Para quem está com o dinheiro mais contado, pode optar por uma pousada próxima da Vila de Porto. A vila de Porto de Galinhas é simpática, cheia de lojinhas e lugares para comer. Tem o seu charme.

ROTEIRO DE VIAGEM

É através da previsão do tempo e da tábua de marés que conseguimos programar os dias de passeio. Eu e Pedro fechamos os passeios com uma empresa que chama RM Lima Turismo.
A princípio gostamos muito do atendimento do bugueiro indicado para o primeiro passeio, mas a forma como o valor foi cobrado e a falta de opção de cancelar o passeio em dias de chuva nos deixou chateados.

Enfim, é importante pesquisar e não fechar com vendedores que cobram muito abaixo da média, porque podem oferecer passeios ruins. Todos os passeios que fizemos foram acompanhados de guias que explicaram a história local e deram a opção de passar em diversos pontos turísticos, sem preocupação com horário.

#Dia 1 . Passeio de Buggy de Ponta a Ponta
Praia do Cupe, Pontal do Cupe, Muro Alto, Maracaípe e Pontal de Maracaípe – Pernambuco
Valor médio: R$190,00 (baixa temporada) – até 4 pessoas

viagem-portodegalinhas-2

foto: a caminho de Maracaípe (acervo pessoal)

É um passeio mágico, que realmente não pode faltar! Nosso bugueiro chamava Dinho e fez a diferença no dia, muito educado e honesto, explicou toda a história de Porto de Galinhas. O passeio tem a duração de aproximadamente 6 horas. O bugue passa por poucas partes com areia, na maioria dos trechos é proibido e o trajeto é feito pelas ruas mesmo.

Nesse passeio, conhecemos a praia do Cupe, Pontal do Cupe e Maracaípe, e paramos para banho e passeio na praia de Muro Alto e Pontal de Maracaípe.

viagem-portodegalinhas-4

foto: Praia de Muro Alto (acervo pessoal)

Muro Alto é uma praia bonita com águas calmas, comida barata e boa. Lá ninguém mexe nas suas coisas, fomos ao mar e só ficamos de olho por precaução! Ficamos o tempo que queríamos, por volta de uma hora e meia e seguimos com o passeio.

viagem-portodegalinhas-3

foto: Passeio Cavalo Marinho – Pontal de Maracaípe (acervo pessoal)

No final do dia fomos ao Pontal de Maracaípe, onde tem o encontro do rio com o mar, e fizemos o passeio de jangada para ver de pertinho um Cavalo Marinho. O valor é a parte, R$ 25,00 por pessoa. Mas vale a pena!

Dependendo da maré, você pode ir também nas piscinas naturais de Porto de Galinhas. Como a maré estava alta, fizemos esse passeio outro dia.

#2 . Passeio Piscinas Naturais
Praia de Porto de Galinhas – Pernambuco
Valor médio: R$25,00 (baixa temporada) – por pessoa

Pesquisamos qual seria o horário de maré baixa no dia seguinte para fazermos o passeio das Piscinas Naturais de Porto de Galinhas. Cada dia é um horário diferente, vai aumentando de quarenta em quarenta minutos a cada dia.

viagem-portodegalinhas-5

foto: Piscinas Naturais – Porto de Galinhas (acervo pessoal)

Você compra o ticket na beira da praia em uma no guichê da Associação dos Jangadeiros no valor de R$ 25,00, segue em direção à praia e o entrega para o coordenador de passeios. É encaminhado para uma jangada que irá até os corais, onde visitamos uma piscina com peixes, uma visita que lembra o formato do mapa do Brasil e por último paramos para nadar com os peixes em outro local.

O passeio dura em média 1h 30. Se quiser, pode olhar de fazer o mergulho nessa praia. Mas como não gosto, ficamos apenas curtindo a praia, uma das mais lindas da região com águas cristalinas e areia branquinha. O melhor local para ficar é mais na extremidade da praia que é mais vazio.

viagem-portodegalinhas-6

foto: Praia de Porto de Galinhas (acervo pessoal)

Vale a pena almoçar no Barcaxeira, que é logo em frente a entrada para a praia. Um restaurante com uma decoração linda e uma comida deliciosa! Aproveite a tarde para comprar alguns souvenirs nas lojinhas locais.

viagem-portodegalinhas-7

foto: Barcaxeira – Praia de Porto de Galinhas (acervo pessoal)

#3 . Passeio de Calhetas
Cabo de Santo Agostinho – Pernambuco
Valor médio: R$60,00 (baixa temporada) – por pessoa

O passeio de Calhetas é um passeio divertido e um dos mais completos que fizemos, com esportes radicais, praia e muita história.

viagem-portodegalinhas-8

foto: Praia de Calhetas (acervo pessoal)

Começa com um banho de lama que vale a pena fazer, é uma experiência única! (dica: use um biquini ou sunga de cor escura e se possível, velho, porque vai manchá-lo)

viagem-portodegalinhas-9

foto: Banho de lama (acervo pessoal)

Há uma parada na tirolesa, que podem descer até duas pessoas se o peso for pouco. (arrependi de não ter ido). Depois, seguimos para a praia de Calhetas, que dizem que tem o formato de coração. A praia é calma e a estrutura do Bar do Arthur que ficamos é muito boa. No final, ainda fomos à vila de Nazaré, onde fica o cemitério da cidade, as ruínas do convento Carmelita e a Igreja de Nossa Senhora de Nazaré. Experimentamos alguns lícores da barraquinha de frente e fomos à um Mirante tirar fotos.

viagem-portodegalinhas-10

foto: Ruínas do convento Carmelita (acervo pessoal)

#4 . Carneiros
Tamandaré – Pernambuco
Valor médio: R$60,00 (baixa temporada) – por pessoa

Todos os lugares em que pesquisei sobre passeios em Porto de Galinhas recomendavam a ida até Carneiros. Mas nos dois últimos dias, o tempo fechou e choveu muito. Por isso, o local não estava tão bonito quanto deveria ser, o mar estava esverdeado e foi um pouco frustrante. Se tiver opção, não vá com chuva. No passeio estava incluso o transporte e o passeio de Catamarã. O almoço e o banho de argila eram à parte. Nós ficamos no restaurante Bora Bora porque foi o que estava em parceria com o pacote do passeio.

viagem-portodegalinhas-11

foto: Carneiros (acervo pessoal)

Logo que chegamos, escolhemos o que queríamos almoçar para ficar pronto logo que voltássemos, visitamos as piscinas naturais da beira da praia (achei as de Porto mais bonita) e seguimos para o passeio de Catamarã.

O Catamarã é ótimo, vale super a pena, nosso guia era o Marco Gaga, super divertido! Paisagem espetacular! A promessa do banho de argila é o rejuvenescimento, a mulherada acha que vai fazer milagre e se joga! Não quis fazer o banho de argila, porque era uma argila que ficava em baldes e como já tinha feito o de Calhetas, não achei interessante.

viagem-portodegalinhas-12

foto: Carneiros com o Marco Gaga (acervo pessoal)

Paramos em alguns bancos de areia para banho e vimos de longe a centenária Igreja São Benedito, padroeiro da Praia dos Carneiros, mas no nosso passeio não pudemos parar para tirar fotos. (fiquei chateada com isso também, afinal de contas, a igreja é o cartão postal do local). Depois, poderíamos ir à pé até ela em uma caminhada de aproximadamente 20 minutos, mas como a maré estava alta e o tempo ficou curto, não conseguimos ir.

Se um dia voltar à Porto, que fazer novamente esse passeio, porque o dia de chuva atrapalhou muito!

#5 . Maragogi
Alagoas
Valor médio: R$120,00 (baixa temporada) – por pessoa

Se em Carneiros estava chovendo, você não tem ideia de como foi Maragogi. Chuva, tempo fechado e frio. Como já havíamos fechado o passeio e era nosso último dia, então fomos mesmo assim. Maragogi tem piscinas naturais muito lindas, mesmo com a chuva, conseguimos perceber o potencial da região. É claro que a água estava turva e passamos muito frio, mas é um passeio que tem que ser feito. Deve ser maravilhoso em um dia de muito sol.

viagem-portodegalinhas-13

foto: Maragogi (acervo pessoal)

Fomos com um catamarã até as piscinas naturais e há, também, a opção de fazer mergulho no local. Até fiz um teste com o equipamento, para ver se eu conseguia adaptar com a respiração apenas pela boca, mas fiquei um pouco aflita e resolvi não mergulhar. Ficamos um bom tempo nas piscinas e é bom ficar esperto para seguir para o barco na hora certa, a maré sobe de uma hora pra outra e você se dispersa muito fácil nas piscinas. Nesse passeio, é bom alugar a máscara e o snorkel para ver os peixinhos. Não quisemos, pois a água estava turva por causa do tempo e estava com pouca visibilidade! Mas tenho certeza que terá mais sorte do que nós e irá em um dia ensolarado!

Na volta, sentimos tanto frio com as roupas molhadas que fomos em uma lojinha para comprar roupas secas e quentinhas! Paramos em um restaurante muito gostoso para o almoço e que tinha um mirante bem bonito, mas que vimos pouca coisa por causa da chuva.

viagem-portodegalinhas-14

foto: Mirante Maragogi (acervo pessoal)

Bem, dica principal: não vá em época de chuvas! Mas se chover, relaxe e aproveite ao máximo o que der!  Esse tanto de chuva não é muito comum na região, geralmente, tem pancadas de chuva mas o céu abre rápido com um sol de rachar. A única vantagem foi que o tempo não estava tão quente!

Se quiser ver mais desse passeio é só ver o vídeo com a viagem abaixo, boa viagem! As praias da região de Porto de Galinhas são lindas, é um passeio maravilhoso!

 

2 respostas

    • Oi Maria, não sei como é o pacote completo. Fechamos lá na RM Lima Turismo separado mesmo. Não acho que vale a pena, porque eles ganham em cima. Mas se você quiser, para não ter trabalho, acredito que na Latam Viagens ou na CVC, você deve encontrar. =)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *