Clássicos do Design: Cadeiras I

destaque-29

Clássica? Moderna? Confortável? Bonita? Tradicional? Atemporal?

Temos tudo isso e muito mais no mercado de cadeiras e poltronas consagradas pelo design. Os ambientes podem se tornar completamente diferentes dependendo da escolha desse tipo de mobiliário. Alguns modelos são peça-chave para uma decoração assertiva e apesar de ter um custo um pouco mais elevado, são garantia de uma ótima composição!

1 – Poltrona Barcelona

design-cadeiras-1Essa poltrona foi desenhada em 1929, pelo arquiteto Mies Van der Rohe, para o Pavilhão Alemão na Exposição Mundial realizado em Barcelona. Como a poltrona original não era muito confortável, em 1950 recebeu um aperfeiçoamento que deixou a estrutura de metal sem emendas e a peça mais bem acabada.

2 – Cadeira Eames DSR ou DSW

design-cadeiras-2

Essa cadeira é um dos clássicos do casal de designers americanos Charles e Ray Eames. Criada em 1948, foi inspirada na torre Eiffel. DSR é uma sigla para Dining Side shell R-wire base, ou seja, é a cadeira que é inteiriça e tem o  pé “torre Eiffel” (esquerda na foto). Enquanto as com pés de madeira, ou wood, são as chamadas DSW. A peça tem o assento em policarbonato com diversas possibilidades de cores. O mais interessante é que o intuito era criar uma peça barata com design que fosse resistente. Já começava aí o design para todos!

3 – Cadeira Bertoia

design-cadeiras-3

A cadeira Bertoia é um clássico de 1950, cuja forma lembra a de um cesto com fios metálicos. O designer italiano Harry Bertoia desenvolveu uma linha inteira para a Knoll International na época em que o modelo foi lançado. Com um design requintado e escultural, essa cadeira é muito utilizada em ambientes como cozinhas, varandas e salas de jantar. Existe ainda uma variação dela que se chama Bertoia Diamante.

4 – Poltrona e puff Charles Eames

design-cadeiras-4

Essa poltrona foi criada também por Charles e Ray Eames em 1956. Com um estilo mais clássico e tradicional que nunca sai de moda, é imponente e uma boa pedida para o canto de leitura ou o espaço solitário e confortável para assistir TV.

Os designers que criaram o mobiliário tinham a intenção de tornar a peça receptiva, como uma luva de beisebol, de forma que se encaixasse perfeitamente na mão. Acho que conseguiram, não é mesmo?

5 – Cadeira Tulip (Saarinen)

design-cadeiras-5

A cadeira Tulip (Saarinen) foi criada por Eero Saarinen para a coleção Pedestal da Knoll Internacional (1955-1956). Ela possui esse nome por lembrar o formato de uma tulipa.  O pé central é uma solução para os móveis com muitas pernas (conceito que também foi utilizado na mesa Saarinen), o peso é sustentado apenas por uma base e um pedestal minimalista.

O designer esperava produzir a cadeira em uma peça única de fibra de vidro, mas este material não foi capaz de apoiar a base. Então, criou a base de alumínio com um revestimento em plástico para combinar com  a parte superior, dando a aparência de uma única unidade.

Uma curiosidade é que essa cadeira foi utilizada no cenário de Star Trek e a partir daí, virou um verdadeira sensação na decoração do estilo Space Age.

design-cadeiras-6

6 – Poltrona Swan

design-cadeiras-7

A peça foi desenvolvida por Arne Jacobsen em 1957, junto com a poltrona Egg. Esses dois modelos foram criados com o objetivo de decorar o lobby do hotel dinamarquês Royal Hotel, em Copenhague.

design-cadeiras-8
Poltrona Swan no lobby do hotel dinamarquês Royal Hotel, em Copenhague

design-cadeiras-9
Poltrona Egg no lobby do hotel dinamarquês Royal Hotel, em Copenhague

Mas como já se pode imaginar, o sucesso foi tanto que até hoje é utilizada em decorações pelo mundo inteiro.

7 – Poltrona Mole de Sérgio Rodrigues

design-cadeiras-10
Essa poltrona é um clássico do design brasileiro e foi desenvolvida pelo arquiteto Sérgio Rodrigues. Quando a poltrona foi criada em 1958 não obteve muito sucesso, até sendo chamada de cama de cachorro.

Em 1961, depois de 4 anos de sua criação, ganhou o 4º Concurso Internacional de Design de Móveis de Cantu, na Itália. A premiação foi devido a valorização da questão regional, enquanto as peças dos demais concorrentes não revelavam nada de suas origens. A partir desse momento, a poltrona começou a fazer um enorme sucesso entre o público mais descolado.

8 – Cadeira Panton

design-cadeiras-11
A cadeira Panton tem um desenho fluído e é considerada a primeira cadeira de plástico moldado no mundo. Criada em 1960 por Verner Panton, é considerada revolucionária por também ser a primeira cadeira a não ter divisão entre o assento e a estrutura.

Esse é um modelo escultural e contemporâneo para decorações despojadas que permitam o uso de muita cor e irreverência. E ainda existem os modelos infantis dessa linha. <3

9 – Cadeira Tulipa

design-cadeiras-12

Não confundam essa cadeira com a cadeira Tulip, nem com a Swan. A Cadeira Tulipa foi criada pelo designer francês Pierre Paulin para Artifort na Holanda em 1965. E apesar da inspiração ser a mesma da Tulip, a tulipa, elas conseguem ter desenhos diferentes.

As formas limpas, simples e ergonômicas a tornam uma peça confortável e atemporal que conquistou o gosto de todos. Com uma solução simples e versátil é muito utilizada em salas, quartos e escritórios.

10 – Cadeira Ghost

design-cadeiras-13A cadeira Ghost foi criada pelo francês Phillipe Starck em 2002. Considero a peça uma fusão entre o tradicional e o contemporâneo, Ghost é uma releitura da cadeira barroca de Luís XV com o acabamento moderno feito de policarbonato.

O principal modelo é o transparente, mas pode ser encontrada em outras cores. Esse modelo é muito utilizado em penteadeiras, escritórios e restaurantes.

. . .

E aí, gostaram dessa sessão de design? Farei outros posts com mais referências bacanas. Escreve aqui embaixo o que achou e sobre o que quer ver por aqui no blog!

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *