Perrengue em pleno blackday! Anjos da guarda existem!

destaque-27

Na sexta-feira do dia 25 de novembro, aconteceu uma situação atípica e bastante surreal comigo. Trabalho na Savassi, uma região muito nobre de Belo Horizonte, e por isso almoço quase todos os dias na casa dos meus pais em outro bairro. Consigo matar as saudades, dar uma economizada e alimentar bem. Como de costume, estava saindo da casa deles e voltando para o trabalho na hora do almoço. Eis que escuto um barulho no carro e ele simplesmente PARA, literalmente PARA de funcionar. Eu ajudo todo mundo que passa perrengue com o carro. Mas quando sou eu, simplesmente PARO de funcionar!

Na hora liguei para o Pedro, meu marido, ele estava almoçando e disse que iria terminar para depois me auxiliar. Nesse meio tempo, fui tirar o triângulo do porta malas e deixei a chave lá dentro! Sorte que nosso carro tem um acionador na parte da frente, assim pude resgatar minhas chaves e ter menos um problema para resolver. Carro parado no meio da rua, pessoas irritadas e não é que um taxista, chamado Rubens, meu primeiro anjo da guarda, apareceu!? Ele ofereceu ajuda, estacionou o seu carro, abriu o capô (porque na hora eu não conseguia nem abrir o capô… sim, eu havia parado de funcionar) e explicou o que havia acontecido pra mim e para o Pedro que estava ao telefone. Além disso, empurrou meu carro para um local seguro, que não fosse no meio da rua. E nesse banho de gentileza, quase que impossível de se ver hoje em dia, ele disse um tchau com um sorriso no rosto. Eu agradeci meio catatônica.

causos-carroblackfriday

Já sabíamos o que tinha acontecido e não precisaria do Pedro ir até lá. Eu teria que ligar para o mecânico, acionar o seguro solicitando o reboque e avisar no serviço que ia atrasar… Aquela chatice toda que vocês já conhecem! Na hora avisei minha família o que tinha acontecido, e meu segundo anjo da guarda apareceu, minha irmã veio ficar comigo enquanto tomava as providências.

Liguei para o mecânico e achamos melhor ele ver o que aconteceu, já arrumar de lá mesmo, para que pudesse voltar para o serviço. Quando o mecânico chegou, uma cara de espanto: “Que perigo! Isso podia ter pegado fogo”. A mangueira que injeta gasolina tinha soltado e quando ligava o carro, jogava gasolina para fora. Ele tentou arrumar, mas continuo vazando… Tentamos comprar uma outra, original, mas não tinha nenhuma do modelo do nosso carro nas lojas que ligamos!

Aff! Enfim, vamos ligar para o seguro! Acionei o reboque e esperamos mais 1h. O carro tinha estragado 13h30… Já era 15h e estávamos tentando resolver o problema! Seguro acionado, era só o reboque chegar e levar o carro para a oficina, certo? Certo, mas o mecânico havia mudado de endereço e não sabia o nome da rua e nem o número, apenas sabia explicar como que chegava lá. Hein?? Tudo bem então, vou com o reboque até a oficina. O que não tem remédio, remediado está!

Quando o reboque chegou tinha um carro parado colado na minha frente. E tínhamos que dar ré em um carro que não andava, o meu! Além disso, estava estacionado em uma descida, o que complicava mais um pouco. Daí apareceu meu terceiro anjo da guarda, um cara gigante que estava carregando um cofre na rua parou para nós ajudar e levantou o carro, levando-o para trás! What? Não acreditei, estava eu lá dentro apertando o freio e um desconhecido gigante levantando o carro junto com mais 3 pessoas em um morro. Pasmem!

Bem, carro dentro do reboque, Daniela dentro do reboque, motorista dentro do reboque. Partiu oficina! Chegamos na oficina, o mecânico me recebeu super bem. Deixei o carro lá, e meu quarto anjo da guarda do dia, a pedido do meu mecânico, me levou até em casa.

Fim da história?

Não. Depois do problema resolvido e o carro em minhas mãos, a mangueira soltou novamente! Oh GOD! Acreditem se quiserem, foi na frente de um lugar que trabalhava com peças de carro. Um funcionário se ofereceu para apertar, trocou a braçadeira e ainda não cobrou nada.

Conclusão: anjos da guarda existem e, ainda pode-se acreditar na bondade e ajuda das pessoas. Mas como não quis brincar com a sorte, não fiquem preocupados, pois agora no final do ano, trocamos de carro!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *